Zen

Centro de Terapias Orientais e Holísticas

depositphotos_3730388-stock-illustration-yin-yang.jpg

O que é ter saúde?

 

Costumamos achar que saúde, é quando não temos doenças, não sentimos dores.

 

Saúde, entretanto é um conjunto de condições e necessidades que supridas proporcionam, não apenas ausência de dores e doenças, mas um corpo saudável, com energia e vitalidade que funciona adequadamente em todas as necessidades, com o máximo de sua potência.

São processos psíquicos e emocionais funcionais. As pessoas conseguem lidar com suas emoções, consegue elaborar e vencer impactos, crenças e dificuldades, encontrar saídas para problemas e gerir o mundo interno e externo com maior equilíbrio possível.

 

Fica irritada quando cabe, preocupada quando cabe, triste quando cabe, mas não permanecem neste estado mais do que preciso, nem em maior intensidade; Ela consegue reagir de maneira equilibrada e usar a experiência a seu favor.

Consegue refletir, ressignificar traumas e impactos maiores da vida, não adoecendo gravemente por causa delas, e se conhecendo, aprende a lidar com suas limitações e capacidades para vencer as demandas da vida, sempre crescendo, mais rápido, ou mais devagar.

Como vemos, saúde não é apenas não ter dores.


Parece difícil não é? De fato, é sim.

 

Este texto não dará respostas prontas, saídas mágicas, pois infelizmente, não há.

 

Cada um é único, singular, o que diz que o que é bom para João, não é bom, nem funciona para Maria. E João e Maria precisam trabalhar por sua própria cura. Ninguém pode fazer por eles, se eles não quiserem isto.

Mas dado tudo isto, podemos de acordo com conhecimentos terapêuticos diversos, conhecimentos milenares que focam em um ou mais aspectos da cura do Ser , dar dicas que podem trazer possíveis caminhos.

 

Vamos lá...

 

A vida é movimento. Tudo que para, tudo que está contido, limitado, estagnado, adoece, gera doença, desequilíbrio e morre.

Os antigos taoistas chineses, precursores da medicina chinesa, já falavam que a vida obedece a leis definidas que eles descreveram com o símbolo do Tai Ji, conhecido no ocidente como Yin e Yang.

 

A existência segue o fluxo e o refluxo, de mares e polos em tudo. Dia e noite, vazio e cheio, alto e baixo, abundância e escassez, movimento e passividade, intensidade e leveza-lentidão, calor e frio.

E os sábios taoistas chineses estavam certos.

 

O objetivo para a saúde seria um equilíbrio entre os polos, entre a vida, entre as atividades da vida, observando os ciclos internos e externos e nos harmonizando com eles.

 

Tudo na vida precisa fluir constantemente, mudar, alternar. Tudo que está parado, estagnado, não resolvido (mágoas e ressentimentos, traumas não curados) gerará doenças. Não importa se o que está estagnado são emoções, traumas, crenças, a energia vital de um órgão ou sistema, o sangue, as funções internas, o corpo. Tudo precisa se alternar, movimentar. Comer coisas diversas, nem muito, nem pouco. Exercitar para mover e fortalecer a energia, o sangue, o corpo, nem muito, nem pouco.

Trabalhar as emoções, crenças, traumas, conflitos estagnados, para que fluam, se transformem, circulem novamente em novas percepções, sentimentos, entendimentos, reações.

 

Em outras práticas como na constelação Familiar, mesmo os pressupostos sendo diferentes , a ideia é sempre gerar ordem onde há desordem, sempre mover, circular, liberar, restaurar o livre fluxo do amor, das relações .

Um evento intenso, um amor interrompido, alguém fora do seu lugar, gera uma estagnação na ordem sistêmica, no equilíbrio do sistema e das pessoas.

 

No Reiki fazemos as mesmas coisas. Desintoxicar a pessoa se suas crenças, dogmas, traumas, energias danosas. Restaurar a energia vital, as funções paradas, o corpo e a mente, através da energia que flui, da mente que se equilibra .

Assim, poderíamos citar várias outras ainda.
Não é atoa que na Medicina Chinesa existem várias práticas que servem para restaurar a ordem, o equilíbrio, o fluxo, restaurar a energia, equilibrar a mente e as emoções, fortalecer o corpo.

 

Temos Acupuntura, Fitoterapia Chinesa, Dietoterapia Chinesa, Exercícios terapêuticos corporais e de respiração, moxambustão, etc.
Cada um para uma necessidade da vida. 

 

Alimentos na dietoterapia chinesa escolhidos de acordo com uma necessidade individual de acordo com o diagnóstico da medicina tradicional chinesa, para restabelecer o equilíbrio de padrões de adoecimento, trazendo esquilíbrio e harmonia para orgãos, vísceras e sistemas. Alimentação com equilíbrio para o clima, idade, tempo e aquilo que nos é melhor e retirando o que não nós é singularmente adequado.

 

Acupuntura e fitoterapia chinesa para tratar e previnir  inúmeros  problemas de saúde. Tratando as causas energéticas e funcionais de diversos males e devolvendo o equilíbrio emoconal , mental e físico, tudo de maneira singular.

 

Exercícios corporais chinesas para promover o livre fluxo da energia e o sangue, fortalecer a energia, equilibrando as emoções, tratando os sitemas, fortalecer e alongando o corpo através do fortalecimento do Qi que flui por eles e que vai os nutrindo cada vez mais.

 

Massoterapia chinesa para o tratamento de diversos problmemas músculo esqueléticos, articulares e emocionais.

 

Cada prática é associada a outras de acordo com a necessidade singular de uma pessoa.

 

Sem falar em tratamentos sistêmicos como a Constelação Familiar que vão focar nas desarmonias existenciais e físicas que partilhamos com nossos sistema familiar e pelo impacto das relações.

 

Sem falar no Reiki, terapêutica japonesa que visa restabelcer a saúde integral pela direcionamento da energia vital univesal sobre a pessoa e seus sistemas, visando restaurar toda sua ordem, equilíbrio e saúde, fortalecendo e equilibrando toda a energia interna em seus sistemas.

 

E poderíamos falar de muitas outras...

 

Assim é necessário  um modo de vida que flua de acordo com as necessidades do momento, entendendo, lidando, aproveitando com equilíbrio e deixando o que não nos é necessário que siga adiante.

 

A vida é assim; precisa de energia em movimento, de fluxo, de vida que se renova, sempre em equilíbrio, pois os excessos e o que está parado, é o que nos adoecem.

 

Circule, movimente e renove seu cardápio, as relações, sentimentos e modo de vida.

 

Se você deseja ter mais informações sobre estas formas de tratamento e prevenção da saúde integral através da medicina tradicional chinesa em seus vários campos, e de outras terapias como a homeopatia, Reiki, constelações familiares para uma abordagem completa e holística, entre em contato conosco e conheça mais.

 

Zen - Centro de Terapias Orientais e Holísticas
www.centroterapeuticozen.com.br